AS TRÊS LUZES DA BAÍA

Você é uma pessoa única. É especial e maravilhosa. É diferente de qualquer outro ser vivo deste planeta. Possui habilidades, capacidades e poderes que nunca soube existirem. Possui um grande potencial que, até agora, nunca foi explorado. Tem a habilidade, a capacidade e o poder de fazer o que quiser, de ser a pessoa que sempre sonhou ser, de transformar a sua vida de uma existência monótona e rotineira (a que você pode ter agora) o grandioso projeto que lhe foi legado ao nascer.

Por que faço estas afirmações aparentemente estranhas? Porque elas são “verdadeiras”, ou seja, passíveis de se tornarem realidades. E por que são verdadeiras? Porque você possui três poderes. Três forças ou capacidades -forças que talvez tenham ficado adormecidas ou tenham sido raramente usadas até agora. Quais são essas forças que podem transformar a sua vida do que ela é agora no que foi destinada a ser desde o momento de sua concepção?

Em primeiro lugar, você tem a capacidades de pensar. Tudo se origina no pensamento ou em uma ideia na mente. Sem exceção, tudo foi um pensamento ou um ideia na mente de alguém antes de se manifestar.

Em segundo lugar, você tem a capacidade de escolher -a sua escolha pessoal- escolha que apenas você pode controlar. A escolha é um ato de contade que, quando exercitado, conduz a uma decisão, o poder final.

Em terceiro lugar -você tem a capacidade de decidir- a sua desição pessoal -decisão que apenas você pode controlar. Adecisão é o produto final, o efeito final da escolha.

Você não foi só dotado de três grandiosas capacidades, mas, acima de tudo, lhe foi concedio total e completo controle. Você, e apenas você, exerce um controle pessoal sobre essses poderes que existem dentro de você. Ao utilizá-los corretamente, alinhados, terá completo controle sobre sua vida e sobre tudo o que nela acontece.

Vamos refletir!

Antes do advento da navegação eletrônica, havia na Itália uma baía que só podia ser alcançada navegando-se por um estreito canal entre rochas e bancos de areia perigosos. Muitos navios ali afundaram ao longo dos anos, pois a navegação naquele ponto era extremamente arriscada.

Para que os navios pudessem chegar ao porto com segurança, foram instaladas três luzes em três enormes postes na baía. Quando as três estavam perfeitamente alinhadas e eram vistas como se fossem uma só, a embarcação podia seguramente virar na direção do estreito canal para iniciar a subida. Se o piloto visse duas ou três luzes separadamente, ele sabia que estava fora do curso e corria perigo. Ele precisava continuar manobrando o barco até que as luzes fossem vistas perfeitamente alinhadas, para que pudesse então, com segurança, entrar na baía.

Para que possamos também navegar com segurança no barco da vida, o criador nos concedeu três faróis. Aqui também se aplicam as mesmas regras de navegação. As três luzes precisam estar perfeitamente alinhadas, como se fossem um só, para que o navegante possa proceder com segurança à subida do canal.

Alinhe as luzes: seus pensamentos, suas escolhas e decisões. Você é quem é e está onde está por causa dos pensamentos, das escolhas e das decisões de uma vida toda. Pense nisso por um momento. Você é responsável pela sua situação e condição atuais porqeu tem o comando dos pensamentos, das escolhas e das desições que o conduziram a elas.

Se o choque é inminente não abandone o barco, você está no comando. Simplesmente manobre e alinhe-se com as três luzes da baía e aporte com segurança

 

Daniel C. Luz, diretor da DC Luz Consultoria e Coaching